Cresol Minas
                                       produção e processo da batata. Foto: Gilson Abreu/AEN

 

Os clientes da Energisa que exercem atividades rurais de aquicultura e irrigação precisam realizar a atualização cadastral para continuar recebendo o benefício da Tarifa Rural, que concede descontos na fatura de energia. A atualização cadastral pode ser realizada pelos canais digitais.

 O coordenador Energisa Minas Rio, Luciano Cunha, destaca importância do recadastramento. “O cliente pode perder esse desconto na conta, por isso a importância de realizar esse recadastramento o mais rápido possível para garantir este benefício. Esta atualização precisa ser realizada a cada três anos”, orienta.

 A atualização do cadastro pode ser realizada por meio do endereço https://gisa.energisa.com.br/, escolher a opção “Ver todos os serviços” e depois escolher a opção “Recadastramento rural”. O cliente também pode procurar a agência de atendimento mais próxima.

 Segundo Cunha, para ter direito ao desconto na conta de energia é preciso apresentar o documento emitido por entidade representativa que comprove vínculo rural ou, no caso de produtores, a atividade desenvolvida com o código CNAE, bem como licenciamento ambiental e/ou outorga de utilização dos recursos hídricos.

 “Os clientes podem buscar mais informações sobre o benefício e a documentação necessária para comprovação da atividade pelos canais de atendimento. É muito importante realizar o recadastramento o mais rápido possível”, ressalta o coordenador.

 Clientes empresariais também devem atualizar os dados cadastrais, que devem estar de acordo com a atividade exercida para terem os respectivos benefícios da classe.

 Canais de atendimento

Um capotamento ocorreu na manhã deste domingo na BR 116, no quilômetro 685, próximo ao acesso para o distrito de Itamuri, entre Miradouro e Muriaé. O acidente envolveu um veículo Fox X-Treme emplacado em Divino, com um casal a bordo.

Equipes de emergência, incluindo Corpo de Bombeiros, SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e Socorristas da EcoRioMinas, chegaram rapidamente ao local. Quando os socorristas chegaram, a mulher já havia sido retirada do veículo, mas o condutor estava preso dentro do automóvel. Foram utilizadas técnicas adequadas para extrair o motorista com segurança.

Ambos os ocupantes foram socorridos com ferimentos aparentemente leves e encaminhados ao hospital São Paulo de Muriaé para avaliação médica. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também compareceu ao local para realizar os procedimentos de praxe.

As causas do acidente serão investigadas pelas autoridades competentes.

Fonte: Portal Miradouro – Cazé Portal Miradouro

Ação foi em Continuidade à Operação Eclesiastes 7:26

 

Na noite de quinta-feira (18/7), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou uma importante prisão no município de Três Rios, no Estado do Rio de Janeiro, como parte da Operação Eclesiastes 7:26. A ação foi coordenada com sucesso após uma colaboração efetiva entre as unidades da 5ª e 6ª delegacias da PCMG e as equipes da 108ª Delegacia de Polícia (Três Rios/RJ) e do 38º Batalhão da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro.

Detalhes do Caso

A operação teve como alvo uma mulher de 23 anos que estava foragida desde a última terça-feira (16). Segundo as investigações, a suspeita teria utilizado o aplicativo de encontros “Tinder” para marcar um encontro com a vítima. Durante o encontro, a vítima foi surpreendida por dois indivíduos armados, que a renderam no próprio veículo e cometeram atos violentos contra ela.

Procedimentos Seguidos

Após a prisão da suspeita, ela foi encaminhada para os procedimentos padrão, incluindo a realização de exame de corpo de delito. Durante seu depoimento, a suspeita optou por permanecer em silêncio. Agora, ela será transferida para o Complexo Penitenciário de Bangu, onde ficará à disposição da Justiça até decisão posterior.

Palavras do Delegado

O Delegado Marcio Savino destacou que já foi solicitado o recambiamento da autora para a cidade de Juiz de Fora, onde as investigações terão continuidade. A PCMG aguarda agora a decisão judicial sobre o pedido feito.

Esta operação demonstra o comprometimento das autoridades na investigação de crimes graves e na captura de indivíduos foragidos, visando garantir a segurança da população e a aplicação da lei.

Na noite desta sexta-feira, 19 de julho de 2024, a Polícia Militar desencadeou uma operação no Bairro Santo Onofre, em Carangola/MG, visando combater o tráfico de drogas na região. A ação foi realizada às vésperas da abertura da tradicional Exposição Agropecuária da cidade. Durante a operação, os policiais cumpriram um Mandado de Busca e Apreensão na residência de um indivíduo de 44 anos, conhecido no meio policial por seu histórico de envolvimento com o tráfico de drogas ao longo dos anos.

No interior da residência do suspeito, foi encontrada uma considerável quantidade de cocaína pura, cujo valor está estimado em aproximadamente meio milhão de reais. A descoberta representa um golpe significativo contra o tráfico na região, destacando a eficácia das ações preventivas da Polícia Militar.

O cidadão infrator e a droga apreendida foram encaminhados à Delegacia de Plantão Regionalizada em Muriaé/MG, onde serão adotados os procedimentos legais pertinentes ao caso. A operação demonstra o comprometimento das autoridades em assegurar a ordem pública e combater firmemente atividades ilícitas, especialmente em períodos de grandes eventos como a Exposição Agropecuária de Carangola.

Fotos: Rádio Muriaé 

Um crime de furto de cobre foi registrado em uma fazenda localizada próxima à estrada que liga os distritos de Itamuri e Belisário, na tarde desta quarta-feira (17). Segundo informações do proprietário, o acesso à propriedade foi facilitado após o cadeado que lacra a porteira ter sido cortado. Além disso, um poste foi derrubado para permitir o acesso ao transformador, de onde foi retirado todo o cobre. O furto, que chamou a atenção pela audácia e planejamento dos criminosos, não foi percebido por moradores das localidades vizinhas, que relataram não ter visto movimentações suspeitas na área. Até o momento, nenhum suspeito foi identificado.

A Polícia Militar foi acionada e compareceu ao local para registrar a ocorrência. A perícia técnica da Polícia Civil também foi chamada para realizar levantamentos e coletar evidências que possam ajudar na investigação do caso. O furto de materiais como cobre é comum devido ao seu valor no mercado ilegal, porém, a maneira como o crime foi executado indica um nível de organização que preocupa as autoridades locais. As investigações estão em andamento para identificar os responsáveis e evitar novos incidentes dessa natureza na região.

Fonte: Rádio Muriaé parceira do Portal Miradouro

Na manhã desta quarta-feira (17/7), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou uma operação para desarticular um grupo criminoso envolvido no comércio de drogas na região de Ubá, na Zona da Mata. Conforme apurado, a ação desse grupo tem gerado disputas violentas com rivais, resultando em homicídios e outros crimes graves.

Durante os trabalhos policiais, foram cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão nos municípios de Ubá, Pedro Teixeira e Rio Pomba.

Um homem de 28 anos, apontado como um dos líderes do tráfico de drogas no bairro Colônia Padre Damião, foi preso em um apartamento no centro de Ubá. No local, os policiais encontraram grande quantidade de drogas, uma arma de fogo e munições de diversos calibres, além de um veículo de luxo.

Em Rio Pomba, foram recolhidos pés de maconha, bem como sementes e materiais para embalagem e fracionamento da droga. Também foi apreendido mais um veículo.
Investigação

Em 11 de fevereiro de 2024, o suspeito de 28 anos, com um comparsa, de 19, tentou assassinar um homem de 24 anos no bairro Colônia Padre Damião. O jovem de 19 anos estaria vendendo drogas na área quando teria sido confrontado pela vítima para que ele não comercializasse entorpecentes nas proximidades. Em retaliação, o jovem teria informado o ocorrido ao seu superior, de 28 anos, e, juntos, tentado matar o homem de 24 anos, que sobreviveu ao ataque.

Após os fatos, a Polícia Civil iniciou uma investigação. As apurações revelaram que o suspeito de 28 anos mudou-se para o Centro de Ubá para evitar a ação policial. Além disso, ele teria adquirido armas de fogo para consolidar o controle do tráfico na região.

Segundo o delegado Douglas Mota, “a operação de hoje representa um significativo golpe para este grupo criminoso. A prisão do líder, com a apreensão de uma grande quantidade de entorpecentes, armas e outros materiais, enfraquece consideravelmente as atividades ilícitas na área”.

As investigações continuam. O preso encontra-se à disposição da Justiça.

Um homem, de 22 anos, e uma adolescente, de 15, foram detidos e confessaram a participação nos fatos

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou uma ação em Orizânia, região da Zona da Mata, na manhã dessa segunda-feira (15/7), que resultou na prisão de um jovem, de 22 anos, e na apreensão de uma adolescente, de 15. Ambos são suspeitos de envolvimento na morte de um homem de 59 anos, ocorrido no Córrego do Onça, zona rural do município, no mesmo dia.

Os trabalhos tiveram início após a Polícia Militar informar um possível homicídio ocorrido na madrugada de ontem. Imediatamente, policiais civis deslocaram-se ao local do crime e acionaram a perícia, que realizou os serviços de praxe. Durante os levantamentos, a equipe da PCMG entrevistou testemunhas e buscou imagens de câmeras de monitoramento, culminando na identificação dos dois suspeitos, vistos em companhia da vítima momentos antes de ela ser encontrada morta.

A dupla foi encaminhada para a Delegacia de Polícia, estando a adolescente acompanhada da mãe. Os dois confessaram a participação nos fatos e indicaram outros suspeitos. Disseram, ainda, que planejavam matar a vítima e ocultar o cadáver, incendiando o corpo e o veículo, com a intenção de dominar o tráfico na região.

Diante da situação de flagrante e com informações sobre a residência dos demais indivíduos, os policiais se dirigiram ao endereço indicado, onde encontraram grande quantidade de material semelhante a entorpecentes, uma arma de fogo 9mm, munição e documentos pessoais dos suspeitos.

Os materiais encontrados e os aparelhos celulares dos suspeitos foram apreendidos. O jovem de 22 anos e a adolescente foram autuados em flagrante delito e ato infracional, respectivamente, e encaminhados aos órgãos de custódia competentes. A PCMG também representou à Justiça pela prisão preventiva do maior e dos demais suspeitos, bem como pela internação provisória da adolescente, conforme legislação vigente.

A investigação prossegue aguardando a conclusão das perícias requisitadas e a realização de outros levantamentos pertinentes à completa elucidação dos fatos.

Os radares fixos entrarão em funcionamento nas rodovias administradas pela EcoRioMinas a partir do dia 22/07. O início da operação dos 95 radares é prevista no contrato de concessão da EcoRioMinas, e os equipamentos estão localizados ao longo das BR-116/RJ e MG, BR-493/RJ e BR-465/RJ. No trecho administrado pela concessionária foram implantados dois tipos de equipamentos: redutores e controladores de velocidade, que respectivamente, reduzem e mantém a velocidade.

Os pontos de instalação foram definidos pela Polícia Rodoviária Federal, baseado em alguns critérios, como número de faixas de rolamento, traçado da via e índice de acidentes. A EcoRioMinas ficou responsável por realizar a implantação e adequação após o estudo técnico.

Os radares são uma importante ferramenta para garantir a segurança dos motoristas através da fiscalização da velocidade máxima permitida nas rodovias. O início da operação foi determinada pela PRF em conjunto com a Coordenação de Processamento de Infrações – CEPIN/PRF. Confira a lista completa de todos os pontos dos radares em operação: https://www.gov.br/prf/pt-br/assuntos/fiscalizacao-de-velocidade/radares-fixos

Em caso de dúvidas, basta ligar para 0800 116 0493 e 0800 116 0465 para deficientes auditivos. O serviço é gratuito e funciona 24h. Além disso, a concessionária agora conta com a plataforma de WhatsApp para interação imediata com o Centro de Controle Operacional. Para usar o serviço, basta salvar na agenda do celular o número do 0800. No site www.ecoriominas.com.br, o usuário também consegue informações sobre o tema.

Foto: EcoRioMinas

A EcoRioMinas disponibilizou o cronograma de obras semanais que contempla melhorias nos trechos das BR-116-MG/RJ, BR-493/RJ e BR-465/RJ entre os dias 15 e 21 de julho. Com o objetivo de trazer mais segurança e qualidade para os usuários da rodovia, a concessionária realiza uma série de manutenções como roçada mecanizada e manual, poda de árvores, varrição, sinalização em todo o trecho de concessão, entre outras.

Ao avistar a sinalização de obras, a EcoRioMinas reforça a importância de redobrar os cuidados e respeitar as orientações das placas.

Minas Gerais – Os trabalhos de recuperação de terraplenos no trecho mineiro acontecem nos quilômetros 440, 530 e 816, nos dois sentidos da via, com interdição de acostamento, passando pelos municípios de Engenheiro Caldas, Caratinga, Laranjal e Além Paraíba. Também estão sendo realizados serviços de fresagem e recomposição, entre os quilômetros 563 e 585, nos dois sentidos da via, com sinalização de pare x siga, passando pelo município de Manhuaçu.

Rio de Janeiro – Na BR-116, na Rodovia Presidente Dutra, estão sendo realizados trabalhos de construção de galeria subterrânea para fibra óptica, entre os quilômetros 169,732 e 172,702, nos dois sentidos da via, sem interdição de faixa, passando pelos municípios do Rio de Janeiro e São João do Meriti. Também estão sendo realizados serviços de poda de árvores, entre os quilômetros 180 e 203, nos dois sentidos da via, com eventual interdição de faixa, passando pelos municípios de Nova Iguaçu e Queimados.

No trecho da Serra Rio-Teresópolis, na BR-116/RJ, estão sendo realizadas obras de contenção de encostas e reabilitação da sinalização horizontal, nos kms 98+500, 95 e 94+200. Durante o período do serviço será adotado o sistema pare x siga, de segunda a sexta-feira, de 8h às 18h.

Também na BR-116/ RJ, estão sendo feitas obras de implantação de um divisor central (barreira New Jersey) no km 92+700, na altura do Alto Soberbo. As intervenções serão realizadas no eixo da pista e será adotado sistema pare x siga, às terças, quartas e quintas-feiras, para segurança dos usuários e melhor fluidez dos serviços.

Nos demais trechos do Rio e Minas, também ocorrem trabalhos como limpeza de drenagem, manutenção de defensa e terraplanagem.

A maior parte dos trabalhos ocorrem das 7h às 17h, podendo se estender até as 22h em alguns pontos. Vale lembrar que a programação de obras pode ser alterada devido a questões operacionais e condições climáticas.

Por meio do Twitter (X) @ecoriominas, os usuários podem acompanhar atualizações sobre o tráfego nas rodovias.

Canais de atendimento – Em caso de dúvidas e emergências, basta ligar para 0800 116 0493 e 0800 116 0465 para deficientes auditivos. O serviço é gratuito e funciona 24h.

Fotos: Rádio Muriaé parceiro do Portal Miradouro em Muriaé

No início da tarde deste domingo (14), um grave acidente envolvendo uma motocicleta e um carro deixou um motociclista ferido no bairro Porto. A colisão ocorreu na Avenida Coronel Pereira Sobrinho e, de acordo com as primeiras informações, o condutor de um veículo Palio realizou uma conversão proibida e foi atingido por uma moto que seguia na mesma direção.

O Corpo de Bombeiros foi prontamente acionado e prestou socorro à vítima, que estava inconsciente e apresentava ferimentos graves. O motociclista foi levado para o Hospital São Paulo, onde recebeu atendimento médico de emergência. Até o fechamento desta matéria, seu estado de saúde permanecia estável, mas inspirava cuidados.

O motorista do Palio não foi encontrado no local do acidente, mas sua identificação foi possível graças a uma câmera de segurança próxima que registrou todo o incidente. Além disso, um carona que estava no carro forneceu detalhes sobre o ocorrido. A Polícia Militar esteve presente no local e, ao consultar o sistema informatizado, constatou que ambos os veículos envolvidos na colisão estavam com documentos irregulares. Os veículos foram então recolhidos para o pátio credenciado do Detran. A perícia técnica da Polícia Civil também foi acionada e realizou os levantamentos necessários para entender a dinâmica do acidente. As autoridades continuam investigando o caso.

TV PORTAL / CRESOL MINAS

Siga-nós!