Cresol Minas

O magnata da tecnologia Elon Musk, proprietário da rede social X (anteriormente conhecida como Twitter), provocou controvérsia ao expressar suas opiniões sobre o sistema judiciário brasileiro durante uma transmissão ao vivo com figuras políticas notórias. Em sua participação digital ao lado do deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) e do blogueiro Allan dos Santos, que atualmente enfrenta processos judiciais no Brasil, Musk criticou abertamente a atuação do Supremo Tribunal Federal (STF), alegando que o órgão estaria excedendo suas funções ao legislar, em vez de se limitar a aplicar as leis existentes. Ele argumentou que o poder deveria residir nas mãos dos representantes eleitos pelo povo brasileiro, insinuando um desequilíbrio nas dinâmicas de poder entre os diferentes braços do governo.

Durante a live, Musk não poupou críticas ao afirmar que o Judiciário brasileiro estaria colocando em risco a liberdade de expressão e a operação da plataforma X no país, mencionando supostas ameaças de prisão a funcionários da empresa no Brasil. Essas declarações surgem em um momento em que o bilionário trava um embate público com o ministro Alexandre de Moraes, do STF, especialmente após Musk desafiar diretamente as decisões do tribunal relacionadas ao bloqueio de contas associadas à disseminação de informações falsas.

A controvérsia ganhou novas proporções quando, no domingo anterior às declarações de Musk, o ministro Alexandre de Moraes determinou a inclusão do nome do empresário no Inquérito das Milícias Digitais, que investiga a disseminação de fake news por meio de redes sociais no Brasil. A decisão amplia o escopo da investigação para incluir Musk entre os investigados por possíveis atos contra a democracia e o Judiciário brasileiro, intensificando o debate sobre a liberdade de expressão, a responsabilidade das plataformas digitais e os limites da intervenção judicial no ambiente online. Este episódio marca mais um capítulo na complexa relação entre grandes empresários da tecnologia e governos ao redor do mundo, destacando o crescente desafio de equilibrar a liberdade na internet com a proteção contra desinformação e ataques às instituições democráticas.

Na última terça-feira (9), a Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei que marca o retorno do seguro DPVAT, agora sob a nova nomenclatura de Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidente de Trânsito (SPVAT). A medida, que busca oferecer amparo às vítimas de acidentes de trânsito, representa uma reviravolta legislativa após a suspensão deste seguro durante a gestão do ex-presidente Jair Bolsonaro. Com a aprovação da Câmara, o texto segue para avaliação no Senado, onde será decidido o futuro deste importante mecanismo de proteção social.

A obrigatoriedade do SPVAT para todos os proprietários de veículos tem como objetivo garantir uma cobertura financeira para prejuízos decorrentes de acidentes de trânsito, abrangendo danos pessoais e materiais. A reinserção desse seguro no ordenamento jurídico brasileiro surge em um momento crucial, dado o alerta emitido pelo governo sobre a escassez de recursos para amparar as vítimas de acidentes, após a gestão do fundo ter sido transferida para a Caixa Econômica Federal em 2021.

Além das indenizações já conhecidas, como as destinadas a casos de morte e invalidez permanente, o projeto introduziu inovações significativas. Entre elas, destaca-se a destinação de uma parcela da arrecadação do seguro para o fortalecimento dos sistemas de transporte público nos municípios e estados, um passo que pode contribuir para a melhoria da mobilidade urbana. A expectativa agora se volta para a próxima fase de análise pelo Senado, que definirá os contornos finais do SPVAT, garantindo assim uma rede de proteção mais ampla para a população brasileira frente aos riscos do trânsito.

Foto: Cazé Drone / FIMI Drone Camera

Em um esforço conjunto e demonstração de comprometimento com o bem-estar de sua população, o município de Miradouro celebra uma conquista significativa: a inclusão no programa Minha Casa Minha Vida Rural. Este feito é resultado direto do árduo trabalho e dedicação da equipe da Prefeitura Municipal de Miradouro, que não mediu esforços para assegurar mais qualidade de vida aos seus habitantes.
A iniciativa Minha Casa Minha Vida Rural, parte do programa habitacional do governo federal, tem como objetivo proporcionar moradia digna para famílias de baixa renda que vivem no campo. Em Miradouro, a chegada desse programa representa não apenas o reconhecimento do esforço coletivo da administração local, mas também promete mudar para melhor a vida de muitas famílias, oferecendo-lhes a oportunidade de terem suas próprias casas, sonho este que para muitos parecia distante.

Em uma entrevista exclusiva ao Portal Miradouro, o Prefeito Cloves da Silva Botelho compartilhou sua imensa alegria e satisfação pela recente contemplação do município no programa Minha Casa Minha Vida Rural. O programa, conhecido por transformar a realidade de muitas famílias brasileiras ao proporcionar moradias dignas, chega a Miradouro como um sopro de esperança e desenvolvimento. “Estamos trabalhando incansavelmente para que este programa seja apenas o começo de uma série de melhorias em nossa infraestrutura e serviços públicos.”

A implementação do Minha Casa Minha Vida Rural em Miradouro não apenas simboliza um avanço significativo na luta contra o déficit habitacional na área rural, mas também promove o fortalecimento da economia local. A construção das novas residências deve gerar empregos, movimentar o comércio local e incentivar novos investimentos no município. O Prefeito Botelho destacou o compromisso da administração municipal em acompanhar de perto todas as etapas do projeto, garantindo transparência e eficácia na aplicação dos recursos.

A comunidade de Miradouro aguarda com expectativa a materialização deste projeto, que promete não só melhorar a estrutura física da região, mas também fortalecer os laços comunitários e o sentimento de pertencimento entre seus habitantes. A iniciativa representa um marco importante na gestão do Prefeito Cloves da Silva Botelho, que reitera seu compromisso em buscar sempre o melhor para a população de Miradouro.

Fonte: Portal Miradouro – O seu portal de notícias 

Na manhã desta quarta-feira (10), um grave acidente foi registrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Muriaé, na BR-116, próximo ao Trevo de Itamuri. Por volta das 06h30, uma carreta que transportava produtos químicos perigosos, incluindo tinta inflamável, ácido, verniz, entre outros, saiu da pista e tombou em um barranco às margens da rodovia, resultando em uma situação de risco iminente tanto para os ocupantes do veículo quanto para o ambiente ao redor.

O motorista, de 40 anos, que seguia viagem de Guarulhos/SP para Salvador/BA, reportou que perdeu o controle do veículo ao fazer uma curva, levando ao trágico acidente. Um passageiro que acompanhava o motorista ficou preso nas ferragens e, durante o socorro, parte da carga química começou a pegar fogo, exigindo uma rápida intervenção do Corpo de Bombeiros para controlar o incêndio. O passageiro foi resgatado e encaminhado ao Hospital São Paulo em Muriaé pela ambulância da concessionária ECORIOMINAS, enquanto o motorista sofreu apenas lesões leves e não necessitou de atendimento hospitalar.

Este incidente levantou preocupações significativas sobre o transporte de substâncias perigosas. A PRF de Muriaé destacou que o motorista não possuía o curso específico exigido para o transporte de produtos perigosos, o que acarretará em medidas regulatórias e investigações sobre as circunstâncias do acidente. A segurança no transporte rodoviário de materiais perigosos segue sendo um tema crítico, e o acidente serve como um lembrete importante para a necessidade de cumprimento rigoroso das legislações vigentes para prevenir futuras tragédias.

Fonte: Portal Miradouro – O seu portal de notícias 

Foto: PRF-MG

Na noite desta segunda-feira dia 8 de abril de 2024, um acidente preocupante chamou a atenção dos moradores do município de Muriaé, em Minas Gerais. Por volta das 19h40, no quilômetro 703 da BR 116, uma das principais rodovias do país, ocorreu uma colisão lateral entre dois veículos em sentidos opostos, deixando a comunidade local e os viajantes em alerta.

Os veículos envolvidos no sinistro foram um Fiat Palio e uma Carreta Scania. Testemunhas e as primeiras investigações indicam que, ao transitar por uma reta, o Fiat Palio, por razões ainda sob investigação, invadiu a contramão e colidiu na lateral da Carreta Scania, que vinha no sentido oposto. O impacto da colisão, embora grave, não resultou em fatalidades, mas acendeu um alerta para a segurança na rodovia.

O condutor do Fiat Palio, um homem de 56 anos, sofreu lesões leves e foi prontamente socorrido pela equipe de resgate da concessionária responsável pela administração da rodovia, sendo encaminhado para atendimento médico. O motorista da Carreta Scania, por sua vez, saiu ileso do acidente, um alívio diante do potencial de gravidade da colisão. O tráfego na BR 116 enfrentou interdição parcial por aproximadamente 30 minutos, causando lentidão, mas foi rapidamente restabelecido após os procedimentos de segurança e remoção dos veículos.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as autoridades locais estão conduzindo uma investigação detalhada sobre as circunstâncias que levaram ao acidente. A comunidade e os usuários da BR 116 aguardam esclarecimentos, na esperança de que medidas preventivas possam ser implementadas para evitar futuros incidentes nesta importante via. O ocorrido serve como um lembrete sombrio da importância da atenção e do respeito às regras de trânsito, visando a segurança de todos que compartilham as estradas do país.

Um trágico incidente abalou a pacata cidade de Astolfo Dutra na tarde de domingo (07), quando um confronto armado em um sítio alugado por jovens da vizinha cidade de Ubá resultou na morte de um adolescente e deixou um jovem de 18 anos gravemente ferido. O violento episódio chocou a comunidade local e desencadeou uma ampla investigação policial em busca dos responsáveis.

De acordo com relatos preliminares da Polícia Militar, o jovem ferido, que atualmente se recupera no Hospital de Cataguases, sobreviveu a cinco disparos que o atingiram em áreas críticas do corpo, como o abdômen e a lombar. Ele contou às autoridades que quatro indivíduos encapuzados invadiram o local e iniciaram os disparos contra o grupo de amigos reunidos no sítio. A rápida ação dos agressores deixou pouco espaço para reação, resultando na trágica perda de Henrico Casarin Vilela, de apenas 17 anos, cujo corpo foi encontrado com marcas evidentes de múltiplos tiros, sugerindo uma execução.

O cenário encontrado pela polícia no local do crime era de total devastação, com motocicletas incineradas e munições espalhadas pela área, indicando a violência do ataque. A descoberta de um carregador de pistola 9 mm no veículo de um dos sobreviventes adiciona um elemento de mistério à cena, levantando questões sobre o possível motivo do ataque. As autoridades suspeitam de um acerto de contas, considerando o histórico das vítimas com drogas e delitos anteriores. Enquanto a busca pelos autores do crime continua, a comunidade de Astolfo Dutra e Ubá permanece em choque, esperando por justiça no esclarecimento deste brutal ataque que tirou a vida de um jovem e marcou outra com cicatrizes profundas.

O final de semana foi de festa em Rosário da Limeira, com a realização da 4ª edição do Circuito Turístico Serra do Brigadeiro.

Centenas de pessoas se concentraram na Praça Nossa Senhora de Fátima. Esta edição o tema foi; “A festa da Cozinha Mineira”. O objetivo foi apresentar a variedade gastronômica que a região oferece, sendo um atrativo à parte para a movimentação do turismo.

Dezenas de barracas foram montadas, a maioria venderam deliciosos pratos. Cidades da região que compõem o circuito também participaram.

A música ficou por conta de Fabrício e banda e da banda Mega Mix. Antes da apresentação musical, foi exibido o documentário “Quando a Arte Imita Vida”, em que conta a história da Folia de Reis Estrela Guia do Rosário.

Para a presidente do Circuito Turístico Serra do Brigadeiro, Patrícia Laviola, a feira, mais uma vez, superou as expectativas. “Foi uma missão dada e mais uma vez, uma missão cumprida pelos municípios que integram a IGR Serra do Brigadeiro, e com essa receptividade, com essa comida de Rosário da Limeira, mostrando o melhor dessa população”, disse Patrícia.

A próxima feira do Circuito Turístico Serra do Brigadeiro acontecerá em maio, em Patrocínio do Muriaé.

Fonte: Assessoria de Comunicação Circuito Turístico Serra do Brigadeiro

0Na noite deste sábado (06), um acidente alarmante ocorreu na cidade de Miradouro, envolvendo um veículo Onix de cor branca que saiu da pista da BR-116 e acabou dentro do Parque de Exposições. O incidente mobilizou equipes de resgate e chamou a atenção dos moradores da região. Segundo informações, o condutor do veículo perdeu o controle por razões ainda não esclarecidas, o que levou à saída dramática da rodovia.

Militares do Corpo de Bombeiros foram prontamente acionados através do número de emergência 193, chegando ao local para prestar os primeiros socorros. A vítima, cuja identidade não foi divulgada, recebeu cuidados imediatos pela equipe da EcoRioMinas, sendo posteriormente encaminhada ao Hospital São Paulo, em Muriaé, para receber tratamento adequado. As condições de saúde da vítima e a natureza de seus ferimentos não foram informadas até o momento.

O veículo envolvido no acidente sofreu danos significativos, principalmente na parte dianteira. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) assumiu a responsabilidade pelo registro da ocorrência, e investigações serão realizadas para determinar as causas do acidente. A comunidade de Miradouro e região aguarda mais informações, enquanto reforça a importância da direção segura e atenta nas estradas. O acidente serve como um lembrete pertinente dos perigos potenciais na condução de veículos, especialmente em rodovias.

Fonte: Portal Miradouro – O seu portal de notícias 

TV PORTAL / CRESOL MINAS

Siga-nós!